.

10 fev 2021

Os 3 principais objetivos da Gestão de SST no eSocial simplificado

Tags:, ,
Vai pra baixo

Em poucos meses, SST chegará no eSocial com seus eventos. A novidade exigirá que os profissionais de SST ajudem as empresas a cumprirem os 3 principais objetivos da Gestão de SST no eSocial. Será que estamos preparados para isto?

A área de Saúde e Segurança do Trabalho presenciará em 2021, finalmente, a entrada dos eventos de SST no eSocial.

As empresas experimentarão um nível de exposição da sua Gestão de SST jamais visto antes. Todas informações de SST enviadas ao sistema ficarão guardadas por lá pra sempre.

Por isso, para evitar que a sua empresa tenha transtornos com a entrada em vigor dos eventos de SST, é preciso garantir o cumprimento, ao menos, dos 3 principais objetivos da Gestão SST no novo eSocial.

Vamos conhecer esses objetivos a partir de agora.

1 – Qualidade das informações 

O eSocial é compliance. As empresas precisam mostrar para os órgãos do Governo e trabalhador que estão cumprindo alguns requisitos legais.

Nossas normas exigem das empresas atendimento a alguns requisitos de SST, como, por exemplo, a realização de exames médicos, emissão de CAT, comprovação de serviço especial, treinamentos, entre outros.

Os profissionais que irão  trabalhar para adequação das empresas aos requisitos legais de SST no eSocial precisam ter pleno entendimento dos aspectos técnicos e legais das Normas de SST relacionadas com o eSocial.

Somente quando você conhece esses aspectos técnicos e legais é que poderá garantir a qualidade das informações que estão sendo prestadas.

Aliás, a qualidade das informações é o principal objetivo a ser cumprido na Gestão de SST no eSocial.

E para prestar informações de qualidade você precisa conhecer os aspectos técnicos e legais das seguintes obrigações de SST no eSocial. 

  1. Aposentadoria Especial, PPP e LTCAT
  2. Exames Médicos (PCSMO)
  3. CAT – Comunicação de Acidente de Trabalho
  4. Insalubridade e Periculosidade
  5. Tributação de SST (GILRAT, FAP e FAE)
  6. Afastamentos, nexos e benefícios previdenciários (Auxílios do INSS, NTP )

Lembrando que, depois de enviadas, as informações ficarão gravadas no sistema do eSocial pra sempre. Ou seja, qualquer informação de má qualidade pode gerar  multas, indenização, perdas em ações judiciais num futuro próximo.

Imagina um LTCAT com conclusão equivocada sobre aposentadoria especial, olha a confusão que isso pode causar para a empresas quando o Governo ou o advogado do trabalhador descobrirem as inconsistências.

Por isso, você precisa dominar os aspectos técnicos e legais destas obrigações e eu diria que também os aspectos jurídicos. Mas os aspectos jurídicos são tema para outro artigo.

2 – Prestar informações no prazo

O segundo principal objetivo de SST a ser cumprido com a entrada em vigor dos eventos no eSocial é o envio das informações dentro do prazo.

Cada evento tem um prazo de envio estabelecido pelos órgãos públicos. É preciso se organizar para assegurar que os prazos sejam cumpridos.

Neste sentido, cabe ressaltar que o eSocial é tecnologia! E, por isso, sem software vai ficar muiittttooo difícil de cumprir com SST no eSocial.

Então pense nisso, você precisará implantar um software e saber utilizar esse software antes da entrada em vigor dos eventos de SST no eSocial.

3 – Menor desperdício de recursos

Por fim, nosso terceiro principal objetivo da Gestão de SST no esocial é fazer com que o processo de envio das informações tenha o menor desperdício de recurso possível.

Esses recursos podem ser tempo (com retrabalho, um software que não te ajuda), gestos desnecessários, estresse, entre outros.

Você, profissional de SST, precisa trabalhar para ajudar as empresas a implementarem processos eficientes. Cada empresa tem uma realidade, você precisará adaptar os melhores processos a essa realidade.

Neste sentido, o melhor caminho para processos eficientes  é sempre tentar automatizar tarefas e mais uma vez os softwares serão essenciais, especialmente quando houver possibilidade de integração.

Em alguns cenários possíveis, a Gestão de SST no eSocial vai contar com a participação da empresa de contabilidade, a assessoria de SST e a própria empresa.  A boa comunicação entre os envolvidos é essencial  para que os processos funcionem.

Como você pode notar, a entrada dos eventos de SST vai exigir qualificação para a área de SST.

Os profissionais de SST precisarão entender de gestão, gerenciamento, normas e ferramentas que proporcionem o cumprimento dos objetivos da Gestão de SST no eSocial.

Será que estaremos prontos para este acontecimento?

O que você acha? Deixe seu comentário abaixo 😉

 

SEJA ESPECIALISTA EM SST NO NOVO ESOCIAL

Clique aqui agora e conheça nosso curso

Autor:

Eder Santos

Eder Santos

Professor e Consultor de SST
Fundador do www.sstonline.com.br

Quer receber nossas atualizações no seu e-mail?

Não se preocupe, também odiamos spam!

Leia também:

Webinario
Curso Desvendando Aposentadoria Especial, PPP e LTCAT

Curso on-line

Desvendando Aposentadoria Especial, PPP e LTCAT

Descubra os 7 passos para dominar a elaboração de PPP, LTCAT e caracterização da Aposentadoria Especial

Conheça o curso

Dúvidas sobre a caracterização da Aposentadoria Especial, elaboração de LTCAT e PPP?
Clique no botão abaixo e fique aliviado ↓

 

Eu quero saber mais!

Trabalhe com segurança. Há sempre um abraço esperando você na volta pra casa.

SST Online